sexta-feira, 16 de junho de 2017

O REI, L´ HACIENDA e o direito a fugir ao fisco...

É bem verdade que o Sol não brilha para todos com o mesmo esplendor. 
E não é menos verdade que ninguém está acima da Lei, assim como nenhum poderá argumentar defesa quanto à sua própria prevaricação, invocando que os outros também prevaricaram.
No caso presente, terá a Hacienda do Reino, um basto trabalho para recolher tudo o que lhe é devido e, quanto a isso estará tudo muito bem.
Quando por aqui, nos deparamos com as diárias notícias de mais uns quantos milhões, escapulidos para um ou outro qualquer paraíso da Terra, seria bom não embandeirarmos em arco, pois há muitos mais do que nós que nem às notícias têm direito.
Quando me lembro que os súbditos nossos vizinhos há décadas que se vêm cotizando para alimentar os génios da corrupção e dos dribles à Hacienda de Sua Majestade, fico espantado com as notícias com que somos bombardeados (em todo o planeta, aliás) de meia em meia hora, de uma hipotética fuga ao fisco por parte do nosso Rei Plebeu, mas que amamos, pelo que é enquanto ser humano, desportista de enormíssimo valor, fidelíssimo cidadão luso, qual porta-bandeira (que aliás faz questão de frequentemente abraçar), simples mas eficaz no que faz e mostra e para isso trabalha.
A questão é simples. A notícia, por insistente e por nos entrar pelos olhos e ouvidos com tamanha força, é fake, ou tendenciosa.
Mas, quem me ler aqui dirá que, estou inocentando ab initio, o fujão do Cristiano dos Santos Aveiro que, depois de tantos milhões ganhos em contratos, salários, imagem, prémios e botas de ouro, não se digna cumprir em tempo devido as suas obrigações fiscais. Mas não!!!
O que me incomoda é apenas o facto de se pretender "crucificar" quem não é crucificável. O Rei não se crucifica.
Cristiano Ronaldo jamais será condenado pela justiça fiscal de Espanha, a qualquer pena de privação da sua liberdade. Mas a notícia dos sete ou dez anos de prisão que é susceptível de vir a ser condenado, diz-se, serve apenas para vender jornais, chamar a atenção para o conjunto da bosta das programações televisivas, com jornalistas tolos, petulantes e opinativos ou, outros mais que se vendem por outros quinhentos.
E quando afirmo que a pena de prisão jamais será sentença, fundo-me na convicção de que, mesmo se houvesse caixas de robalos à mistura em tão intrincado processo fiscal, Cristiano como outros, jamais cairia na prisão. 
Na Ibéria é assim !!! 
E para garantir, o seu Mandatário sabe da poda.
Cristiano anuncia hoje a sua intenção, irrevogável vejam bem, de deixar Espanha. Provàvelmente no fim do contrato que o liga ao Real Madrid.
Que dor de cabeça para Florentino Peres... que terá dificuldade, a ser verdade, em recuperar mais duzentos ou trezentos milhões da transferência.
Mas, nada disso !!!
Agora que passei a Colega do bando de comentadeiros desportivos, que diáriamente nos infectam os écrans de TV com prosápias tolas, asneiradas e petulâncias engravatadas, também eu me permito agora ser futurólogo. 
Acho que Ronaldo não vai preso!!! 
Acho que, ao haver alguma falha no cumprimento fiscal... já prescreveu!!! 
Acho que sair de Madrid é bem possível... um dia!!!
E só mais um pouquinho de futurologia...
Não é por uma qualquer caixita de robalos que alguém irá bater com os costados à Carregueira.
Rajoy não tem culpa nenhuma. O PP, ou "el PP" só tem gente séria e, por isso há quem diga - Donde hay gobierno estoy contra !!!

VIVA EL REY !!!

(António Ventura 16.6.17)